highlighted:

Lugares múltiplos na saúde

Publicado em 6 de julho de 2018

Você já parou para pensar qual é o seu lugar na saúde?

Essa é uma pergunta que a gente gosta de fazer em todo canto onde o Saúde É Meu Lugar chega. Pra responder, todo mundo acaba tendo que dar uma olhada geral e rápida na própria trajetória e aí e se dá coisa de vários aspectos diferentes. Antes de responder, a enfermeira Silvana da Silva, do Amapá demorou uns dois segundinhos e então soltou: “Meus lugares na saúde são diversos…!”

É que, além de enfermeira no Hospital da Criança e do Adolescente, ela também é professora na Universidade Federal do Amapá. “E, como docente, passo por várias áreas na saúde, desde a atenção básica até a alta complexidade”, disse.

Sua relação com o território é antiga: Silvana já foi supervisora no Programa de Agentes Comunitários de Saúde, bem antes de existir a Estratégia Saúde da Família. “Agora, como docente, trabalho no estágio supervisionado, então atuo nas visitas domiciliares, junto à comunidade”, explicou.

Ela é uma das mobilizadoras que convidamos pra nos ajudar a construir as mostras estaduais. No fim de maio, esteve conosco para a mostra do Distrito Federal e para a grande oficina de mobilização em Brasília. Desde aquele momento, já começou a ficar com uma vontade enorme de voltar pra casa e compartilhar o que tinha aprendido com os colegas, agitar os profissionais da sua cidade e botar pra fora todas as ideias pra concretizar a mostra presencial.

O fato é que, segundo ela própria, Silvana é uma “mobilizadora nata” e preparar o terreno foi algo que ela começou a fazer muito rapidamente. Nossa equipe coordena um grupo de whatsapp para a comunicação dos mobilizadores e, um belo dia, sem aviso prévio (rs) ela apareceu por lá com várias fotos do que parecia ser uma mostra imensa do Saúde É Meu Lugar! E ficamos ainda mais surpresos quando ela nos disse que ainda não era mostra não, só um momento de divulgação.

Teve até sorteio de brindes :)

É que, quando entrou em contato com a secretaria estadual de saúde para propor uma parceria, o pessoal gostou tanto do projeto que quis encaixá-lo em um evento da Atenção Básica que estava para acontecer em breve.

Fala sério, olhando pra essa foto, não parece o público de uma super mostra? O resultado é que ela pôde falar pra um montão de gente sobre o SML, explicar como funciona o projeto e atrair olhos e ouvidos curiosos.

Estamos bem ansiosos pra ver como vai ficar quando for pra valer - de acordo com Silvana, deve ser em meados de agosto ou setembro. E é bom porque ainda tem um tempinho pela frente pra gente receber muita história de lá. Você acredita que ainda não temos nenhum relato do Amapá na nossa mostra online?

Agora é só esperar. Ficamos por aqui, com essas palavras da Silvana: “O Saúde É Meu Lugar me deixa com a certeza de que precisamos envolver uns aos outros, compartilhar nossas experiências e multiplicar nossas boas práticas. Temos que fortalecer o SUS dando mais ouvidos aos profissionais que, estando na ponta, reconhecem as dificuldades mas não desistem”.

Até mais!


Comentários:

Para enviar comentários você deve estar autenticado, clique aqui para se autenticar.
Exibindo 1 de comentários
CLEIDE

Parabéns lindo trabalho!!!

content:
sidebar:
Widget: 12:
afterContent: