highlighted:

Amamentação, Cuidados com o RN e a Importância da Imunização das Gestantes- I Encontro com o Grupo de Gestantes de 2018 de Santa Rita do Tocantins-TO

Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Compartilhar no Linkedin Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no Whatsapp Compartilhar por e-mail

No dia 22 de Janeiro de 2018, foi realizado o 1º encontro com o grupo de gestantes " CONHECENDO O NOVO" da ESF de Santa Rita do Tocantins, e no dia 07 de Fevereiro o 1ºncontro com o grupo de gestantes no Assentamento São Judas Tadeu. O grupo foi criado pela equipe de ESF, SB, NASF-AB, com o objetivo de orientar e preparar as futuras mamães para a maternidade. É um momento de intenso aprendizado e uma oportunidade  para os profissionais da equipe desenvolverem a educação como dimensão do processo de cuidar. O mesmo possibilita o intercambio de experiências e conhecimentos visando o bem estar da mãe e do bebê.

Os temas conduzidos foram: Amamentação, cuidados com o RN e também a importância da imunização.  Os temas foram conduzidos pelas enfermeiras Terezinha Nunes e Duane Saraiva e pela Técnica em Enfermagem Eliene Guimarães.  A enfermeira Duane falou da importância da amamentação exclusiva tanto na vida da mâe quanto na vida da criança, troca de fraldas, cuidados com o coto umbilical, icterícia, cólicas do RN. A técnica Eliene falou da importância da vacinação em gestantes no período gestacional, entre as vacinas recomendadas para as gestantes, estão as de tétano, Hepatite B e a Influenza. A enfermeira Terezinha falou sobre o teste do pezinho que diagnostica quatro patologias metabólicas e genéticas: a Fenilcetonúria, o Hipotireoidismo Congênica, a Anemia Falciforme ( e demais doenças do sangue) e a Fibrose Cística. No final a cirurgiã-dentista Dra Denize Grazzieli reforçou a importância do aleitamento materno, pois é o único alimento natural e completo além de promover a criação de um laço extraordinário entre a mãe e o bebê, a amamentação também pode contribuir para a correta formação do rosto da criança, e impacta diretamente na saúde bucal do bebê, estimula a respiração nasal, pois enquanto a criança se alimenta no peito da mãe, ela só pode respirar pelo nariz. Isso é importante para estimular o crescimento das maçãs do rosto. Crianças que respiram pela boca ficam com o céu da boca mais profundo, o que causa problemas como a mordida cruzada, quando a arcada de cima não se encaixa direito com a de baixo.

No final do encontro foram sorteados brindes e servidos lanches para as gestantes da zona urbana e zona rural.

Galeria de imagens


Comentários:

Para enviar comentários você deve estar autenticado, clique aqui para se autenticar.

Denize Grazzieli da Silva

cirurgiã dentista
TO / Santa Rita do Tocantins
Ver perfil
afterContent: