highlighted:

Promovendo a saúde, com orientações verbais e lúdicas para o tratamento da hipertensão. Projeto por: Dra Patrícia Ribeiro

A hipertensão arterial sistêmica é a mais frequente das doenças cardiovasculares e, também o principal fator de risco para as complicações mais comuns de acidente vascular e infarto agudo do miocárdio, além da doença renal crônica. (Brasil, 2006).

Por ser uma patologia vista facilmente na maioria dos idosos, com a observação cotidiana notou-se a enorme quantidade de idoso hipertensos descontrolados, mesmo fazendo uso de medicamentos diariamente, fato que muito nos chamou a atenção, então começamos a notar que os mesmos estavam buscando o serviço de saúde, pegando os medicamentos na farmácia da ubs, alguns fora do prazo estipulado para retorno, tomando as medicações, porém, de maneira completamente errônea.

Nesse sentido, buscamos juntamente com a equipe os principais motivos para a não adesão do idoso ao tratamento e, com essa busca notamos que a maioria dos idosos moravam sozinhos e eram analfabetos, portanto, não entendiam a forma correta de tomar os medicamentos, visto que muitos tinham medicações para os três turnos do dia, manhã, tarde e noite, o que dificultada ainda mais o seu entendimento quanto a toma da medicação.

Nesse sentido, veio a preocupação com o futuro desse idoso e buscamos alternativas para tentar solucionar o problema e faze-los entender como tomar as medicações prescritas em casa e sozinhos, para assim atingirmos a meta de pressão arterial ideal para aquele individuo, evitando assim a agudizações  do problema e as demais comorbidades que levam a sequelas graves.

Tentamos de distintas formas melhorar esse quadro, tais como: colocar algum diferencial nas receitas, desenhar indicadores do dia (sol, talheres, lua) nas receitas conforme as indicações de horários, entregar as medicações em envelopes de diferentes cores, enfim, vários foram os métodos tentados, mas mesmo assim as dificuldades de adesão continuaram, foi ai que ao fazer várias pesquisas de como resolver esse problemas, construí  compartimentos e os dividi em três, onde um espaço tem o desenho do sol, do almoço e outro da lua, onde alí seriam depositados a medicação em seu devido horário e a quantidade exata para o determinado mês, tornando assim mais didático e lúdico a forma de medicar-se.

Esses compartimentos foram entregues nas visitas domiciliares para alguns idosos, os que tinham maiores dificuldades e, nas consultas ambulatoriais na ubs. Os agentes de saúde ficaram responsáveis para acompanhar se estávamos tendo bom êxito nessa dinâmica e se os níveis pressóricos estavam normalizando e, para nossa alegria, muitos pacientes aderiram a ideia e entenderam os distintos horários e suas respectivas medicações.

Portanto, no decorrer desse projeto, percebemos a importância de uma boa orientação, pois quando orientado corretamente o idoso adere ao tratamento, sanam suas dúvidas e a prevenção e promoção da saúde acontece.

Galeria de imagens


Comentários:

Para enviar comentários você deve estar autenticado, clique aqui para se autenticar.
Exibindo 2 de comentários
Luciana Mesquita

Parabéns Dra Patrícia...Precisamos de mais profissionais com esse olhar humanizado...Muito linda e criativa sua ideia...Com certeza facilitará muito a vida dos idosos...

Danny Noleto Procópio

Parabéns pela iniciativa. Precisamos desse olhar humanizado voltado aos nossos idoso. 

Patrícia Ribeiro

TO / Fortaleza do Tabocão
Ver perfil
sidebar:
Widget: 12:
Widget: Mais histórias 9:

Mais histórias

afterContent: